Cientista do CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças USA) admite que dados sobre vacinas e autismo foram desprezados. Há pouco mais de 100 manifestantes se reuniram do lado de fora do escritório do Centro de Controle de Doenças em Atlanta exigindo transparência dos dados sobre as vacinas.

Portanto, são essas pessoas que acreditam em teóricos da conspiração, ou eles teriam boas razões para estar lá? Eu prometo, esta é uma verificação da realidade você não vai conseguir em qualquer outro lugar.

É um assunto extremamente controverso, mas estes manifestantes no CDC em Atlanta dizem que as informações disponibilizadas ao público sobre as vacinas são fraudulentas.

E tudo isso depende de um só homem, um cientista que você provavelmente nunca ouviu falar. Esse cientista se chama Dr. William Thompson. Foi no dia 27 de agosto de 2014 que adimitiu que teve muito pouca cobertura da mídia. Mas foi uma declaração importante.

Essa declaração lida em parte: “Lamento que os meus co-autores e eu omitimos informações estatisticamente significativas em nosso artigo de 2004, publicado na revista” Pediatrics ” (http://pediatrics.aappublications.org…).

Os dados omitidos sugeriu que os afro-americanos do sexo masculino que receberam a vacina tríplice viral (caxumba, sarampo e rubéola) antes da idade de 36 meses estavam em maior risco de autismo.

As decisões foram tomadas em relação às conclusões do relatório de como os dados foram coletados e eu acredito que o protocolo do estudo final não foi seguido.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s